Jovens têm até 31 de maio para se inscreverem no projeto Casa da Praia Lab

0
103

Projeto seleciona 16 jovens de Natal e Região para bolsa em formação de roteiro de cinema

O projeto  “Casa da Praia Lab – Sala de Roteiristas”, de formação de jovens roteiristas em Natal e Região Metropolitana, está com inscrições abertas até o dia 31 de maio através de formulário online: bit.ly/3vFkX9y4.
O laboratório visa desenvolver 16 ideias de roteiro de curtas-metragens de jovens entre 18 e 29 anos. Os 16 jovens participantes serão contemplados com bolsa mensal de R$300. O projeto terá duração de seis meses com diversas atividades com especialistas da área. 
A iniciativa é da produtora potiguar de cinema Casa da Praia Filmes, premiada nacional e internacionalmente por filmes como “Sideral” e “Vai Melhorar”, e tem patrocínio da Lei Câmara Cascudo, Cosern e Instituto Neoenergia.
Para se inscrever é necessário apresentar uma ideia original para curta-metragem em forma de uma sinopse (resumo de até 100 palavras). Terão prioridade de seleção jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica e com perfis sociais diversos, a partir de políticas de inclusão social e afirmativas previstas no Edital.
Os bolsistas, além de desenvolverem seus próprios roteiros, também receberão tutorias de direção e produção cinematográfica. Além disso, realizarão coletivamente um curta documentário sobre a cidade de Natal.
A conclusão do curso resultará, portanto, em certificado, roteiro desenvolvido pelo estudante com consultoria por roteiristas profissionais, e estreia do filme documental produzido pela turma.
“O jovem sairá desta formação com um filme realizado no currículo, um roteiro pronto para ser produzido e conhecimento da cadeia produtiva do audiovisual, podendo assim ter mais facilidade para se inserir profissionalmente no setor”, afirma a produtora Mariana Hardi, uma das idealizadoras do projeto.
O projeto “Casa da Praia Lab – Sala de Roteiristas” é beneficiado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, patrocinado pelo Instituto Neoenergia e pela Companhia Energética do Rio Grande do Norte – COSERN via o Edital Transformando Energia em Cultura 2021.

Público-alvo e inclusão social

O projeto tem como público-alvo jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica sem ou quase sem acesso ao setor produtivo audiovisual e cultural. Têm prioridade de participação jovens que pertencem a famílias com renda mensal per capita de até meio salário mínimo ou que possuam renda familiar mensal de até três salários mínimos, não considerando como renda quaisquer auxílios ou benefícios governamentais.
Serão selecionados  prioritariamente jovens moradores de regiões administrativas ou bairros com baixo Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M) e Índice de Qualidade de Vida Urbana (IQV/IQVU), conforme o Plano Municipal de Assistência Social 2022-2025 de Natal.
Para garantir maior diversidade, o Edital também prevê prioridade  das vagas para mulheres (cis, trans e travestis), pessoas não binárias e agêneras, pessoas autodeclaradas negras, pardas, indígenas e amarelas, e para a comunidade LGBTQIAP+.
Segundo o produtor Pedro Fiuza, um dos idealizadores do projeto, “nosso intuito é promover a inclusão social, econômica e política na produção audiovisual potiguar, procurando diminuir a desigualdade neste mercado de trabalho, considerando as diversidades de gênero, raça, etnia, sexualidade, classe social, religião, território, condições econômicas e de moradia”.
» Links importantes:
Edital: 
https://drive.google.com/file/d/1Ns6529Ll0OgM3pSSGJcfB5rPlUvaNraV
Formulário:
https://forms.gle/durR9cdcyACJUug49

Para mais informações:
» E-mail do projeto: casadapraialab@gmail.com 
» Telefone e WhatsApp: (84) 98734-6660
» Instagram do projeto: @casadapraialab
» Instagram: @casadapraiafilmes
» Facebook: @casadapraiafilmes
» Twitter: @praiadacasa
» YouTube: @casadapraia

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here