Genocídio bolsonarista já matou 500 mil pessoas

0
63
Charge: Carlos Latuff

O discurso de ódio disparado pelo presidente Jair Bolsonaro transformou-se em crime contra a humanidade.

Sobreviver em meio a toda essa violência praticada por um ditador confesso tem sido uma verdadeira maratona em defesa da vida. Além da Covid-19, o povo brasileiro enfrenta outro vírus chamado Fake News, que não passa de notícias falsas, um mal que tem sido propagado pelo gabinete presidencial com o objetivo de manipular a realidade. Um receituário de terror que tem ingredientes como cloroquina, aglomeração e orientação para dispensar o uso de máscara em plena pandemia.

Somada a essa política mortuária está a escassez de vacinas e um auxílio emergencial de fome.

O resultado de tanta maldade é o número que já ultrapassou meio milhão de mortes. Tudo isso acontecendo e o principal comparsa da Covid, responsável por comandar toda essa tragédia, continua impune, gozando de todas as regalias concedidas pela faixa presidencial. Pois é, a urna eleitoral foi transformada em urna funerária.

É preciso reinventar a linguagem a cada reportagem para fugir da angústia e encontrar palavras outras capazes de descrever toda a violência praticada por um ditador nato, que a todo instante solta baforadas infectadas de ódio contra o povo brasileiro. Pelo jeito do descontrolado presidente [que vai onde quer e como quer] a fila da morte ainda vai levar para o cemitério muita gente que espera por um leito de UTI.

Até quando o SUS e seus valorosos profissionais vão ter que conviver com a superlotação dos hospitais e a falta de atendimento, tão essencial para salvar vidas?

Até quando o SUS e seus valorosos profissionais, tão essenciais para salvar vidas, vão ter que conviver com a superlotação dos hospitais e a falta de atendimento?

Por que um mentiroso, adepto da ditadura e obsecado pela tortura, racista, homofóbico e machista [comprovadamente uma ameaça à sociedade] continua livre para fazer o que quer com o país e o seu povo?

Que “Poderes” outros esse animal em fúria tem sob controle para se manter no poder mesmo depois de cometer tantos crimes contra a humanidade?

Por muito pouco [ou quase nada] pessoas famintas foram apedrejadas e condenadas, acusadas de “roubar” uma lata de leite do supermecado [um gigante da economia]. Esse é o espelho da dignidade humana que é submetida ao modo de produção capitalista, aonde o lucro é fruto da vida escrava que continua adoencendo e matando milhares de milhões em todo o mundo.

A imprensa livre e independente produzida pelo Coletivo Foque vai continuar sendo porta-estandarte “pra que teu povo cantando teu canto ele não seja em vão”, como cantarolou Vandré. A nossa função é informar e mobilizar a sociedade. Afinal, “Nós vibramos em outra frequência”.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here