“A música é uma grande aliada para auxiliar no equilíbrio emocional em qualquer período da vida”, esse é o recado do movimento sinfônico Terças Clássicas em tempos de pandemia. São transmissões ao vivo feitas por meio das redes sociais que contam com participações especiais e homenageia a cultura popular.

O Maestro Linus Lerner preparou uma programação inédita para a próxima terça-feira (28/4), a partir das 20h, em homenagem ao regente, compositor, arranjador e instrumentista José Ursicino da Silva, o Maestro Duda, amante do frevo, do maracatu e da cultura popular.
A homenagem inclui entrevista exclusiva e participação de músicos da Orquestra Sinfônica do Rio Grande do Norte: Gilberto Cabral, Flavio Davino, Philip Paiva, Vinícius Gomes, Enéas Albuquerque. Além de vídeos e um bate-papo com o maestro e professor da Universidade Federal de Fortaleza, Leandro Serafim, o trompetista e professor da EMUFRN, Flávio Gabriel e o Maestro João da Banda. A mediação fica por conta da produtora Tatiane Fernandes.
O homenageado nasceu em Goiana, zona da Mata de Pernambuco, onde é considerado Patrimônio Vivo. “Aos oito anos começou a estudar música e aos dez já era integrante da Banda Saboeira, escrevendo logo depois seu primeiro frevo Furacão”.
Vida e obra do Mestre Duda se mistura à bandas de frevo, choros e sambas. Nos anos 80, ele recebeu o prêmio de melhor arranjo de música popular brasileira, em concurso promovido pela Globo, Shell e Associação Brasileira de Produtores de Discos.
PARA COMPANHAR A TRANSMISSÃO AO VIVO ACESSE:

facebook.com/rnsinfonica/
youtube.com/results?search_query=osrn