Raquel Lima abre “Natureza Íntima” dia 7 no Bardallos

94

A artista plástica Raquel Lima abre no dia 7 de dezembro, no Bardallos, às 19 horas, a exposição “Natureza Íntima”.

Raquel Lima é natural da cidade de Brejinho-RN. Formada em Artes Visuais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Iniciou sua vida artística em 2009, participando desde então de algumas exposições coletivas, boa parte dessas exposições foram com o GUAP (Grupo Universitário de Aquarela e Pastel), da UFRN.

As obras de Raquel Lima partem de questionamentos acerca da vida moderna, sendo eles desde insegurança, solidão, vaidade, preconceito, sexualidade, dos vícios a religião. Aquarela e nanquim acabam dando suporte à imaginação dessa artista, que busca uma analogia entre o individuo líquido pós- moderno e as técnicas líquidas sobre superfícies variadas.

Em 2014, teve sua primeira exposição individual na Galeria Conv’vart da UFRN, com a exposição intitulada Sentidos: o corpo líquido uma pesquisa em artes que se constitui em uma serie de 26 trabalhos realizados por meios aquosos, como aquarela e nanquim, sobre papel e tela.

Essas pinturas foram construídas através de uma investigação poética entre as obras da artista e com as teorias do sociólogo Zygmunt Bauman, em Amor líquido: sobre a fragilidade dos laços humanos. O trabalho se desdobra a partir do indivíduo pós-moderno e suas relações com o corpo e a construção de sua uma identidade social e individual.

Tendo como pano de fundo a nossa modernidade líquida e suas mazelas, que são elas a insegurança, a solidão, a futilidade, o consumismo desenfreado, o mercado de trabalho violentador, o amor como mercadoria televisiva á venda e o preconceito ao amor alheio. Essa nova condição pós-moderna acaba sendo para a artista um solo fértil para suas produções artísticas.

Fonte: Substantivo Plural

Compartilhe