Artista potiguar Jayr Peny, radicado em Portugal, faz individual em Natal

60

Mostra com cerca de 10 telas apresenta um novo olhar sobre a capital potiguar, com muitas cores, formas e paisagens

O mais português dos artistas brasileiros, Jayr Peny, retorna a Natal com a exposição individual “Multiversos de Jayr Peny”, na Rio Center, do Natal Shopping. Na mostra, o artista propõe ao público o mesmo exercício de redescobrir um novo universo de cores, formas e lugares da capital potiguar, cenário de suas vivências mais marcantes. A abertura acontece nesta segunda-feira, 4.

Peny é natalense, mas mora em Sintra, Portugal, há mais de duas décadas. A exposição contém quadros de suas principais linhas de trabalho. Uma tela que ele destaca é a “Aparição em uma Paisagem Onírica”, da série “Dalírios Óticos”, inspirada no surrealismo de Salvador Dalí. O artista é uma das principais referências da criação do realismo mágico de Jayr Peny, que tem mesclado estruturas próprias, como a “Linhas e Formas” e a série “Telúrica”.

“Teremos também os Arlequins e os Artistas. Será uma exposição bem completa, com cerca de 10 quadros que, juntos, formam um universo cheios de minhas próprias vivências, mas com elementos facilmente identificados por todos os potiguares”, assinalou Jayr.

Para a Rio Center, a exposição será mais um importante evento dentro da programação do aniversário de 80 anos da rede. “Estamos muito felizes em receber esta mostra, que, ao exaltar elementos da cultura natalense, acaba contando também um pouco de nossa própria história”, ressaltou a diretora de marketing Mariana Araújo.

Live paint
As pessoas terão um motivo a mais para visitar a exposição na terça (5), quinta (7) e no sábado (9). Conhecido por inovar em suas exposições, Jayr Peny irá pintar diante do público uma ceia larga em grande formato. “Eu gosto muito de interagir com o público. E escolhi fazer este trabalho porque tem tudo a ver com o período natalino. A tela será toda pintada no espaço, ao longo destes três dias”.

Sobre o artista
Peny é potiguar, nascido na capital. No seu currículo há quase 50 exposições individuais, notadamente em Portugal, França, Itália e Estados Unidos, além do Brasil. Em outubro 2014, ele expôs sua obra “Cavalos Surrealistas” no Carrousel du Louvre, em Paris. Recentemente, expôs na China, durante Exposição de Pintura Lusófona. No momento, é um dos destaques no II Salão Dorian Gray de Arte Potiguar.

Fonte: Substantivo Plural

Compartilhe