Foto: Taian Marques

Estudantes de várias escolas de Natal ocuparam as ruas na manhã desta terça-feira (22/5) para protestar contra o aumento da passagem no transporte coletivo. A manifestação organizada pela Umes (União Metropolitana de Estudantes Secundaristas) iniciou na praça dos Três Poderes, no centro da cidade.

Os protestos continuaram em frente ao Palácio Felipe Camarão, sede da prefeitura, onde os estudantes se manifestaram contrários ao aumento de 8,96% na tarifa do transporte coletivo, que passou de R$ 3,35 para R$ 3,65 no último domingo.

Em seguida o movimento seguiu em passeata rumo à Câmara de Vereadores, onde representantes das entidades estudantis defenderam a revogação do reajuste aprovado na sexta-feira passada pelo Conselho Municipal de Transportes e assinado pelo prefeito Álvaro Dias (MDB). Na manhã desta terça-feira o vereador Sandro Pimentel apresentou um Projeto de Decreto Legislativo com o objetivo de revoga o aumento da tarifa. Resta aguardar a votação do referido projeto.

A representante da Umes, Lauanda Pedrita, afirma que apesar da entidade estudantil participar do Conselho foram 13 votos a favor e 3 contrários ao aumento, que foi assinado pelo prefeito logo em seguida. “Além disso, a gente quer discutir o problema da acessibilidade e do sucateamento do transporte público. Outra pauta muito importante é o passe livre estudantil, muita galera que é filho de trabalhador assalariado não tem mais condições de financiar suas passagens pra chegar até a escola”, declarou Lauanda.