O Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (Sinasefe), seção Natal, realizou nesta segunda-feira (02/12) um debate com os três candidatos à direção geral do IFRN Campus Natal Central. Eleições ocorrem nesta quarta-feira, dia 4.

Antes de iniciar o debate no auditório central da instituição a coordenadora do Sinasefe, Nádia Costa, e o representante do Grêmio Estudantil saudaram os presentes. Em seguida, o jornalista Alexandre Othon assumiu a mediação do debate que se dividiu em três blocos.

No primeito momento foram feitas perguntas entre os candidatos seguindo sempre a ordem de sorteio. Na sequência, os candidatos responderam perguntas feitas por estudantes, funcionários e professores. Todo o debate foi acompanhado pela comissão eleitoral e assessorias dos candidatos.

Nas considerações finais, o candidato Jonas Eduardo Gonzales Lemos fez referência ao IFRN como uma instituição centenária que tem prestígio local, regional e nacional. ”Imagine, além disso, eu como ex-aluno ter feito parte e fazer parte dessa história”, disse acrescentando que faz parte dessa história também como professor, que para ele é motivo de orgulho. Ressaltou ainda a sua formação acadêmica como parte da sua experiência na instituição IFRN. ”Acho que chegou o momento de dar continuidade ao trabalho exitoso que já vem sendo realizado, pretendemos fazer isso com diálogo permanente. Hoje me sinto pronto, preparado e motivado para esse desafio, assumindo o compromisso de fazer uma gestão participativa e democrática”, finalizou.

Logo depois o candidato Márcio Adriano de Azevedo fez uma breve apresentação da sua história de vida. Em seguida, afirmou que sempre teve facilidade de dialogar com a pluraridade e respeito à diversidade. Destacou a sua experiência em gestão escolar e na elaboração de projetos pedagógicos junto ao IFRN. ”Eu me sinto preparado pela experiência que acumulei e pela miinha história de vida. Estou feliz por participar desse processo com os meu colegas, a minha candidatura nunca foi nem é uma aventura. Viva a democracia, viva o respeito ao próximo, viva a gestão democrática, viva o trabalho coletivo, viva o IFRN que sobrevive a tantas crises e dificuldades”, concluiu.

A candidata Luzimar Barbalho da Silva se apresentou como bisneta de índia e neta de escrava. ”Estamos aqui para assumir a direção deste campus imbuida de ética, lealdade e seriedade com os recursos públicos, sobretudo com transparência”, declarou apontando que já assumiu várias funções no IFRN. ”Então, isso demonstra que tenho competência de fazer e farei a gestão desse campus a melhor possível, por que estarei me dedicando”, afirmou encerrando um debate que colocou em discussão importantes temas, como gestão democrática, movimento estudantil, ensino, pesquisa, extensão, valorização profissional, escola sem partido, projeto Future-se e até namoro entre estudantes.

Para a coordenadora geral do Sinasefe Natal, Nadja Costa, esse momento dos candidatos apresentarem suas propostas para a comunidade é muito importante. Ela destacou a participação dos alunos, funcionários e professores ao dialogar com os candidatos. ”A instituição e o processo democrático só tem a ganhar com esse debate”, completou, lembrando sobre a importância da participação na eleição desta quarta-feira (04/12).